DF tem seu primeiro Distrital LGBT assumido: “Vai ter LGBT orgulhoso na Câmara”

Fábio Felix do PSOL teve mais de 10 mil votos e é ativista dos direitos humanos.

Fábio Feliz foi eleito com mais de 10 mil votos pelo PSOL. (Foto: Reprodução/Facebook)
Fábio Feliz foi eleito com mais de 10 mil votos pelo PSOL. (Foto: Reprodução/Facebook)
Pela primeira vez o Distrito Federal tem um candidato LGBT assumido e ativista dos direitos humanos na Câmara Legislativa. Fábio Felix do PSOL foi eleito com 10.955 votos.

Em seu primeiro discurso após o resultado, Felix falou que vai ter LGBT orgulhoso na Câmara. “Não foi fácil, mas há muito espaço para a resistência, vamos seguir resistindo e fazer tudo para Bolsonaro não ganhar no segundo turno. Vai ter LGBT orgulhoso na Câmara Legislativa”, discursou.

Ao longo da vida política, Fábio Felix se envolveu em diversas lutas pelos direitos humanos, com foco nos direitos LGBT. Assistente social, ativista LGBT, servidor do sistema socioeducativo, professor e faz doutorado em Ciência Política na UnB. Ele trabalhou com crianças e adolescentes em situação de rua, no CAJE, nas Unidades de Internação de Planaltina, São Sebastião, Recanto das Emas e foi presidente do Conselho dos Direitos da Criança e do Adolescente do DF. Fundador e atualmente Presidente regional do PSOL.

Tags

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar